Locus  

Imaginários sociodiscursivos da mulher em situação de rua na mídia: uma análise discursiva de notícias de jornais impressos de Minas Gerais e Rio de Janeiro

Mostrar registro simples

dc.contributor.advisor Melo, Mônica Santos de Souza
dc.creator Silva, Marta Aguiar da
dc.date.accessioned 2017-09-06T17:42:01Z
dc.date.available 2017-09-06T17:42:01Z
dc.date.issued 2017-03-31
dc.identifier.citation SILVA, Marta Aguiar da. Imaginários sociodiscursivos da mulher em situação de rua na mídia: uma análise discursiva de notícias de jornais impressos de Minas Gerais e Rio de Janeiro. 2017. 158f. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2017. pt-BR
dc.identifier.uri http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/11703
dc.description.abstract A presente pesquisa procura analisar os imaginários sociodiscursivos sobre a mulher em situação de rua em notícias de jornais impressos de Minas Gerais e Rio de Janeiro ao mesmo tempo em que procura entender como a mídia constrói e reproduz esses imaginários. Para isso nos baseamos, principalmente, na Teoria Semiolinguística de Charaudeau, considerando o sentido implícito na mensagem verbal e nas imagens. Para analisar as imagens utilizamos o trabalho de Barthes (1990 e 1996) e o trabalho de Joly (2007), por considerarem que as imagens também são argumentativas e que podem ser assumidas em duas possibilidades: a imagem como elemento denotativo e como elemento conotativo. Por fim, indicamos e analisamos os imaginários sociodiscursivos. O corpus da pesquisa consiste em doze notícias publicadas nos jornais impressos, adquiridas por meio de arquivo online. A descrição e análise das notícias indica que os jornais de Minas Gerais constroem e reproduzem imaginários sociodiscursivos distintos sobre a mulher em situação de rua, o que pode estar relacionado a interesses comerciais e políticos divergentes. O jornal Estado de Minas apresenta uma representação muito mais negativa do que o jornal O Tempo. Os jornais do Rio de Janeiro ao contrário dos de Minas Gerais apresentam um equilíbrio nos imaginários sociodiscursivos sobre a mulher em situação de rua. Tanto o jornal O Globo quanto o jornal O Dia apresentam imaginários ambíguos, ou seja, negativos e positivos. A análise das imagens reforça esses resultados. Portanto, os imaginários sociodiscursivos sobre as mulheres em situação de rua nos jornais impressos de Minas Gerais e Rio de Janeiro são em sua maioria negativos e construídos e reproduzidos nesses jornais por meio da organização discursiva das notícias (narrativa, descritiva, argumentativa e enunciativa) associadas às imagens publicadas que também exprimem significados. pt-BR
dc.description.abstract The aim of this research is to analyze the imaginery sociodiscursives about women in street situation in news of printed newspapers of Minas Gerais and Rio de Janeiro, at the same time, It tries to understand how the media constructs and reproduces these imaginaries. For that, we based our analysis on the Semiolinguistics Theory of Patrick Charaudeau, considering the implicit meaning in the verbal message and images. To analyze the images we use the studies of Barthes (1990 e 1996) and Joly (2007), they consider the images are also argumentative and can be assumed in two possibilities: the image as a denotative element and as a connotative element. Finally, we indicate and analyze the sociodiscursive imaginaries. The corpus of the research consists of twelve news published in printed newspaper, acquired through an online archive. The description and analysis of the news indicates that the Minas Gerais newspapers construct and reproduce distinct sociodiscursive imaginaries about women in street situation, which may be related to divergent commercial and political interests. The Estado de Minas newspaper presents a much more negative representation than the newspaper O Tempo. The newspapers of Rio de Janeiro unlike those of Minas Gerais present a balance in the sociodiscursive imaginaries on the woman in street situation. Both O Globo and O Dia newspaper have ambiguous imaginaries, negative and positive imaginaries. The analysis of the images reinforces those results. Therefore, the sociodiscursive imaginaries about women in street situation in printed newspapers of Minas Gerais and Rio de Janeiro are mostly negative, they are constructed and reproduced in these newspapers through the discursive organization of the news (narrative, descriptive, argumentative and enunciative) associated with published images also express meanings. en
dc.description.sponsorship Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior pt-BR
dc.language.iso por pt-BR
dc.publisher Universidade Federal de Viçosa pt-BR
dc.rights Acesso Aberto pt-BR
dc.subject Imaginários sociodiscursivos pt-BR
dc.subject Mulher em situação de rua pt-BR
dc.subject Mídia pt-BR
dc.title Imaginários sociodiscursivos da mulher em situação de rua na mídia: uma análise discursiva de notícias de jornais impressos de Minas Gerais e Rio de Janeiro pt-BR
dc.title Sociodiscursive imaginaries of women in street situation in the media: a discursive analysis of printed newspaper news of Minas Gerais and Rio de Janeiro en
dc.type Dissertação pt-BR
dc.subject.cnpq Lingüística Aplicada pt-BR
dc.creator.lattes http://lattes.cnpq.br/9208940592175959 pt-BR
dc.degree.grantor Universidade Federal de Viçosa pt-BR
dc.degree.department Departamento de Letras pt-BR
dc.degree.program Mestre em Letras pt-BR
dc.degree.local Viçosa - MG pt-BR
dc.degree.date 2017-03-31
dc.degree.level Mestrado pt-BR


Arquivos deste item

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

  • Letras [124]
    Teses e dissertações defendidas no Programa de Pós-Graduação em Letras

Mostrar registro simples

Buscar no Repositório


Navegar

Minha conta